CONHEÇA PALMITAL

História

O pioneiro João Batista de Oliveira Aranha e sua família imigrou do município de São Manuel em 1886 e instalou-se na região do antigo bairro Palmital, no município de Campos Novos Paulista. O povoado recebeu o nome de Palmital devido à grande quantidade de palmeiras existentes no local.

As terras ao redor pertenciam ao fazendeiro Francisco Severino da Costa, que decidiu dividi-las em lotes, com isso atraiu moradores de municípios vizinhos que procuravam uma vida melhor.

A estação da Estrada de Ferro Sorocabana foi inaugurada em 1914 e a construção do prédio atual é de 1926. Com a construção da estrada de ferro, logo o povoado tornou-se distrito em 27 de dezembro de 1916 e em 21 de abril de 1920 foi elevado a município.

Em 1942 com o desgaste do solo e as fortes geadas causaram grandes perdas aos agricultores de café e comerciantes do município. Com a perda dos cafezais, os agricultores os substituíram pelas lavouras de milho, mamona, arroz, cana-de-açúcar, feijão e outros cereais. Mas o café não deixou de ser cultivado. Até 1968, o café foi a base da economia, já que as outras culturas de lavouras não tiveram o mesmo sucesso, seguido pelo desenvolvimento do plantio da soja, milho e trigo, favorecidos pela mecanização da agricultura. Por outro lado, o município é um dos principais fabricantes de aguardente de cana, e tem pequenas indústrias de móveis e de derivados de mandioca. Em 1995 começou a era da banana em Palmital e região, com a família Bernardes tomando iniciativa, começou o cultivo dessa fruta, que hoje se tornou um grande negocio na região do Vale do Paranapanema.

Fundação: 20 de janeiro de 1885 (132 anos)
Elevação a município: 21 de abril de 1920 (97 anos)